Clã Lobos do Sul

O Clã Lobos do Sul é um PROJETO que visa o desenvolvimento e a capacitação do ser humano. Com as Raízes profundamente imersas e nutridas pelas culturas nativas (xamanismo) e outras vertentes do conhecimento, compreende que a consciência e a vivência prática constituem um bom caminho na jornada rumo a integralidade do SER. Neste caminho dispondo de atividades vivenciais, grupos de estudos, cursos e palestras que proporcionam a difusão e a experimentação de conhecimentos tradicionais e contemporâneos que recordem o vinculo consciente com a essência individual, natural, coletiva e espiritual.

Coaching Xamâncio Vivencial


O Coaching é uma metodologia moderna, com base em ferramentas próprias alinhadas a conhecimentos específicos. O Xamanismo ouSabedoria Nativa vem do antigo e é a cultura mais antiga existente. Com este princípio a proposta é a fusão destes conhecimentos, resultando no “Coaching Xamânico Vivencial”. 



A intenção é unir o antigo ao moderno e possibilitar aprendizados únicos e transformacionais, proporcionando um paralelo entre Vivência indígena/Xamânica e o universo do Coaching, trazendo aos participantes reflexões, aprendizados profundos e sobre como nos posicionamos perante os desafios da vida. 



O Convite é imaginar estas duas técnicas funcionando ao mesmo tempo e que podemos ir além, nos desafiando e nos superarando, transcendendo os próprios limites. 



A proposta do Coaching Xamânico Vivencial é uma imersão de 7 dias, diferenciada e transformadora, passando pelos processos de Coaching alinhado com a energia do Xamanismo. Permita-se Vivenciar essa nova proposta, desafiadora, transformacional e intrigante em um ambiente propício e próprio para as Vivências Xamânicas.





Vento 



É com grande orgulho que publico o primeiro passo formal desta jornada. Comecei escrevendo sobre o Vento, pois no conceito proposto é o Vento que movimenta o Universo, ele que impulsiona, agita, refresca e avisa sobre o que está por vir...o Vento pode vir do Sul, do Norte, do Oeste ou do Leste e cada um destes tem um propósito muito claro e firme, assim como o COACHING XAMÂNICO VIVENCIAL...que tem o propósito do movimento, do DESAFIO, da SUPERAÇÃO.... 



“Os Nativos Americanos ensinavam que o Vento deveria ser sentido, para que soubessem como agir quando estivessem perdidos ou com medo. Se o vento soprasse do Oeste, eles se sentariam em busca de coragem e respostas em seus corações. Se o Vento viesse do Sul, eles parariam de fingir que sabiam todas as respostas e encontrariam a humildade seguindo talvez outro que soubesse o caminho de casa. Se viesse do Norte, eles saberiam que os Anciões, em sua sabedoria, saberiam onde procurar. Quando o vento viesse do Leste, eles deveriam usar o bom senso ou buscar novas ideias lógicas que trouxessem uma resposta para suas necessidades.” Jamie Sams, As Cartas do Caminho Sagrado. 





A direção do Leste - “Como eu vejo” 

Traz consigo a clareza na visão em todos os níveis de percepção humana, despertando a capacidade de contemplar sem ajuizar. Associa-se a cor amarela e o nascer do sol, a força masculina, motriz e impulsionadora e a possibilidade de alçar voo nas asas da grande Águia proporcionando assim uma visão panorâmica e completiva dos acontecimentos e situações favorecendo os objetivos e fortalecendo a decisões. No leste encontra-se o arquétipo do Visionário, da águia, que observa de um ponto diferenciado, que poucos veem. Para ter uma visão límpida e sem julgamento, no Coaching é necessário entender a sua história, compreender que tudo que passou foi aprendizado, transmutar nossas próprias dores e sabotadores, autoconhecimento. Compreendido este passo, é necessário aproveitar melhor os próprios recursos e transcender para o outro portal, superar-se, ir além. No Leste serão entendimentos diferenciados para a visão ir além da visão, a essência é aprender a reaprender.




Na Direção Sul – “Como eu sinto” 



O convite para o portal do Sul é olhar para sí mesmo e perceber a essência que levará a vencer os desafios, superação, descobrir o limite e afinal qual é o limite?

Surge a possibilidade então de sentir o mundo além dos canais sensoriais físicos como olfato, tato, paladar... Sentir a fluidez da vida pelo filtro da inocência consciente, reconhecer o que já foi aprendido e desconstruir preceitos que bloqueiam o movimento harmonioso da caminhada. Tendo o “Maestro” Coiote como aliado que recorda a vontade contida o brilho do sol dentro de cada ser e que pulsa através do vermelho do sangue, nas águas das emoções.

O sentimento mais puro que existe no senso comum é da criança, resgatar este sentimento é maravilhoso e significativo, portanto para o Sul a nossa identidade é prioridade, quem somos e o que realmente sentimos que somos e isto é cura. No Sul contempla-se o arquétipo do Curador e vivenciando a identidade na essência, desapegados das identidades de outros. O propósito é reinventar-se.




Na Direção Oeste – “Como eu Expresso” 

É o lugar de reencontro com o poder em todas as suas dimensões recordando a necessidade da expressão adequada por intermédio do Coração. O poder se apresenta ao cair da tarde quando começamos a trilhar a noite escura da alma e a fraqueza se torna fortaleza para transpor a jornada dentro da Caverna Negra do Urso.
Ao conhecer-se na essência a expressão é única, diferenciada que transmite segurança, empoderamento, assim como o Urso, e realmente leva a vencer desafios com intensa energia. Também é o momento de entendimento dos modelos humanos e como eles reagem a situações adversas. Talvez com esta visão qualquer desafio é um mero desafio, experienciar esta energia criadora é um momento de conquista. Momento de agradecimento pelo aprendizado adquirido até o momento, este é o arquétipo do mestre.



Na Direção Norte - “Como me manifesto”

Sopram os ventos da sabedoria, a manifestação do conhecimento com propósito do serviço e a entrega consciente, assim como o Grande Búfalo Branco que lidera a manada com sabedoria mas reconhece a benção da entrega. Direção de encontro com os ancestrais através do brilho das estrelas imersas no céu da Noite, onde o branco dos cabelos dos avós recaem sobre os ombros daquele que opta por um caminhada plena.
Com energia e consciência expandida pelo contato com a natureza e a essência do guerreiro, pois ao norte é onde este arquétipo se encontra, busca-se a caça, com estratégia, inteligência e preparado para o desconhecido forte e decidido como o Búfalo. O guerreiro tem uma missão definida, com objetivos e com foco no resultado. Neste ponto a direção já está consolidada, o resultado é a conquista e alcance dos objetivos e sonhos. Agora sim estamos prontos para os desafios que se apresentarem em qualquer direção.



( Texto extraido do site:





Reserve sua agenda 

Seja bem vindo ao Universo do Coaching Xamânico Vivencial.

Para mais informações contate:contato@ricardofialho.com.br





CXV - Inscrições Abertas - Próximo Grupo com início dia 17 de Abril 2014